Iniciativa

Apoio

Secretaria de Saúde

CONTATO

Inserimos nesta página as principais perguntas encaminhadas pelos candidatos participantes. Caso sua dúvida não esteja aqui ou não tenha sido completamente sanada, por favor, mande uma mensagem para a equipe de seleção por meio do formulário de contato ao final da página. Suas dúvidas serão respondidas em até 2 dias úteis. 

RECURSOS

Recursos relativos aos resultados das etapas da fase de Pré-Seleção e da fase de Decisão Final serão aceitos até dois dias úteis após a divulgação pelo e-mail contato@processoseletivosantos.org

PERGUNTAS FREQUENTES

Qual o período de inscrições?

O período de inscrições será de 05 de setembro à 17 de outubro de 2018. As Inscrições são gratuitas e realizadas totalmente online.

 

Quais são as etapas de seleção?

O processo seletivo está dividido em duas fases: a Pré-Seleção e a Decisão Final.

  • Etapas de Pré-Seleção:

    • Análise Curricular;

    • Pesquisa de Crenças;

    • Entrevista de Mapeamento de Competências;

    • Referências Profissionais;

    • Teste de Potencial de Integridade Resiliente (Teste PIR);

    • Painel com Especialistas;

    • Sabatina;

    • Prova de Conhecimentos Específicos; e

    • Banca Avaliadora.

  • Por sua vez, a fase de Decisão Final é composta da etapa de Entrevista com a Prefeitura de Santos. Ela consiste numa entrevista realizada pela equipe de gestores da Prefeitura com cada um dos candidatos aprovados na última etapa da pré-seleção. Após a entrevista, a Prefeitura aprovará 4 profissionais para as Coordenadorias de Atenção Básica de Saúde.

 

Como os candidatos podem se preparar?

De forma geral, os candidatos podem se preparar para as etapas de Pré-Seleção e Decisão Final refletindo sobre a sua trajetória profissional e pessoal e reunindo informações que comprovem suas experiências de carreira. Além disso, é fundamental que reflitam bastante e tenham em mente de maneira muito evidente, ao longo do processo, o quanto a experiência na posição de Coordenador de Atenção Básica de Saúde será positiva para sua carreira e qual marca quer deixar na Saúde de Santos.

 

Para aqueles que participarem das etapas a partir da Entrevista de Mapeamento de Competências, sugerimos que sigam as seguintes dicas:

 

Seja objetivo

Valorize o tempo dos entrevistadores e especialistas e procure aproveitar ao máximo o tempo das entrevistas para ser conhecido. A assertividade é uma aliada nestas fases.

Cite exemplos

As entrevistas não são momentos para discursos inspiracionais ou falas abstratas. Ao responder sobre sua trajetória, exemplifique situações que permitam os entrevistadores e especialistas avaliarem a relevância de determinadas experiências.

Reflita sobre as experiências críticas

Quais experiências foram mais relevantes em sua trajetória profissional? Durante todas as fases de avaliação, considere situações, por exemplo, nas quais demonstrou capacidade para liderar e mobilizar pessoas, entregar resultados relevantes e propor inovações.

Deixe clara sua motivação

Seja transparente com os entrevistadores e especialistas e consigo mesmo sobre o que motivou a sua participação neste processo e porque faz sentido assumir o desafio.

 

Se quiser saber como se preparar para cada etapa individualmente, clique aqui.

As referências específicas para a Prova de Conhecimentos Técnicos estão disponível no Edital.

Quando será divulgado o resultado final?

O resultado final está previsto para ser divulgado em novembro de 2018, após a realização da fase de Decisão Final e escolha dos profissionais pela equipe da Prefeitura de Santos.

 

Qual a remuneração do cargo?

A remuneração bruta dos Coordenadores de Atenção Básica de Saúde de Santos será de R$7.460,00 mais auxílio alimentação no valor de R$435,16. 

 

Quais as responsabilidades do cargo? Pelo que os Coordenadores serão cobrados?

Os Coordenadores serão cobrados pelas metas relacionadas à sua área de atuação constantes nos instrumentos de planejamento: Plano Diretor de Metas (PDM) e Participação Direta nos Resultados (PDR). Além disso, cada Coordenador terá como subordinados diretos as chefias técnicas de cada unidade que compõe a sua coordenação e como subordinados indiretos as chefias administrativas e demais servidores de cada Unidade. Também será comum a interface do profissional com órgãos internos e externos (Ouvidoria, Câmara Municipal, Conselho de Saúde, Tribunal de Contas, Ministério Público, entre outros).

 

Quem pode se inscrever? Qual o perfil esperado?

Profissionais de qualquer formação acadêmica e oriundos de qualquer setor (público, privado, terceiro setor) podem se inscrever para as posições de Coordenador de Atenção Básica de Saúde da Prefeitura de Santos. No entanto, como pré-requisitos, espera-se que os ocupantes dos cargos tenham conhecimentos em Políticas de Saúde e gestão de projetos, tenham capacidade analítica para interpretação e análise de dados e tenham perfil de liderança.

 

Os Coordenadores lidarão com quais instituições externas à Prefeitura de Santos?

Os Coordenadores de Atenção Básica de Saúde lidarão com todos os órgãos municipais e entidades ligadas à Saúde, como redes de profissionais e usuários, organizações sociais, órgãos estaduais e federais de saúde, sindicatos de categorias, dentre outros. Os selecionados buscarão ouvir todas estas instituições e pessoas para aprimorar de forma conjunta as políticas de saúde de interesse dos santistas.

Há o Programa Consultório na Rua, atuante junto à Atenção Básica, voltado à população em situação de vulnerabilidade?

Sim. O Município de Santos conta atualmente com um veículo e uma equipe multiprofissional do programa Consultório na Rua que atuam nas áreas de vulnerabilidade social vinculando os atendidos às unidades da Atenção Básica e demais serviços da rede municipal de atendimento. O trabalho de abordagem e acompanhamento também vem sendo realizado há alguns meses de forma mais próxima com a Secretaria de Assistência Social.

Há algum Programa específico que foca na população idosa do Município de Santos, que, como informado, é o perfil epidemiológico mais frequente?

Sim. A rede de Atenção Básica conta com o programa Movimente-se com a Música e a Dança, que oferece dança senior e outras atividades a idosos e pessoas com dificuldades de locomoção. Atualmente é disponibilizado em 14 unidades. Há também ciclos de palestras periódicos para cuidadores de idosos e outros serviços nas redes especializada e hospitalar, como o programa Televida (que monitora idosos que moram sozinhos) e o Serviço de Atenção Domiciliar (para acamados).

Todas as Unidades de Saúde de Santos dispõem de Equipes de Saúde da Família (ESF)?

Atualmente há 38 equipes de saúde da família em 20 unidades de atendimento, as quais se concentram nas regiões das zonas Noroeste, Morros, Central Histórica e Continental.

Como serão feitos os deslocamentos dos Coordenador de Atenção Básica para atuação in loco nas zonas mais remotas de Santos? A Prefeitura disponibiliza um carro ou motorista?

Os deslocamentos são realizados por recursos próprios e também com veículos da frota municipal. 

Como é composta as equipes nas unidades do Município de Santos onde não há ESF? Estas unidades contam com equipe multidisciplinar e especialidades médicas?

As unidades que não estão inseridas na Estratégia de Saúde da Família contam com médicos nas especialidades de clínica geral, pediatria e ginecologia, além de equipes de enfermagem (técnicos, auxiliares e enfermeiros), administrativas e profissionais de apoio. 

Hoje a Prefeitura de Santos tem alguma solução para os usuários que trabalham e não podem se ausentar para realizar consultas e exames preventivos?

Algumas unidades já possuem atendimento estendido após as 17h, de acordo com a demanda da população, e a Secretaria de Saúde estuda ampliar para mais unidades o horário estendido.

O orçamento consignado para o exercício de 2019 da Secretaria Municipal de Saúde de Santos é igual ou superior ao de 2018?

O Orçamento da Saúde passará de R$ 606,3 milhões previstos para o exercício de 2018 para R$ 647 milhões em 2019. 

O quadro de colaboradores das Unidades Básicas de Saúde de Santos estão completos, especialmente nos cargos de médicos?

O Município busca algumas recomposições pontuais, como as de alguns profissionais do Mais Médicos que deixaram o programa, a cargo do governo federal, e de aposentadorias e exonerações, as quais serão realizadas com novo concurso público previsto para ocorrer entre o final deste ano e início de 2019.

 

O que é o Vetor Brasil? Qual o papel da instituição no processo de pré-seleção?

O Vetor Brasil é uma organização sem fins lucrativos, suprapartidária, que busca, seleciona e desenvolve talentos para atuar na gestão pública brasileira. Por meio dos programas Trainee de Gestão Pública (para recém formados) e Líderes de Gestão Pública (para profissionais com vasta experiência profissional), o Vetor Brasil já alocou mais de 260 profissionais em 41 governos de 10 partidos políticos em 62 órgãos públicos diferentes.

No Processo de Seleção para Coordenadores de Atenção Básica de Saúde, o Vetor Brasil ficará a cargo exclusivamente da fase de Pré-Seleção (exceto pela etapa de Prova de Conhecimentos Específicos), sendo que a fase de Decisão Final, todos os critérios determinados para cada etapa, bem como todo o escopo do cargo, são de responsabilidade da Prefeitura de Santos, por meio de sua Secretaria de Saúde.

Possui alguma dúvida, comentário ou sugestão? Por favor, envie  abaixo a sua mensagem para a equipe de seleção.